Com que roupa eu vou?

Depois de focar em outras coisas, como a série “Nova York Para os Duros”, peço permissão para falar de Orlando nos próximos posts. Na verdade, se não quiserem permitir, vou falar de qualquer jeito, já que o blog é meu.

Com a temporada de julho chegando, vou reeditar algumas postagens que fiz no meu blog antigo, mas que continuam valendo.

*******

Como você já percebeu, vou falar de coisas que devem fazer parte da sua mala, quando você está se preparando para viajar para a Flórida no meio do ano.

Para falar a verdade, eu copiei e colei a postagem original, feita em 15 de junho de 2013, há dois anos. Coincidência, né? Ou não?

Copiei e colei para ver o que precisa ou não mudar. É sempre mais fácil partir de algo que já esteja pronto. E o meu objetivo é sempre tentar ser eficiente na hora de te ajudar. Ou seja, a base vai ser a mesma, como vocês vão poder ver, caso comparem os dois textos, até porque o clima é o mesmo.

*******

A primeira coisa que você tem que pensar, na hora de preparar a sua mala, é que julho é verão nos Estados Unidos. E o verão da Flórida é muito quente, comparável ao do Rio. Além do calor, em Orlando, a umidade do ar é muito grande, para desespero das garotas que fazem chapinha, escova, etc. Agora, uma conta simples: calor + umidade = chuva.

Além do calor e da unidade alta (certamente, já repararam que vou só adicionando “problemas”), nós andaremos muito. Os parques são grandes, com atrações que podem ser distantes umas das outras. Além disso, principalmente com excursão, nós “abrimos e fechamos” boa parte dos parques.

Ah! E as filas são grandes! Isso significa que, mesmo quando não estamos caminhando, na maior parte do tempo, ainda estamos de pé.

Foto: Fernando Andrade

Um confortável par de tênis é indispensável para quem vai viajar passear nos parques de diversões da Flórida.

Agora que eu já enumerei os principais “problemas”, pela minha experiência, te aviso que, se quiser saber o que é “in” ou “out”, te aconselho a olhar o blog da minha amiga Dani Polis, que também sabe tudo de Orlando, trabalhou comigo na Disney, e é ligada nessas paradas de moda.

Não é o meu caso aqui. Como não sou dos mais ligados no mundo fashion, estou cagando para o que é da moda ou não, principalmente, para usar nos parques. Eu acho que o mais importante é você usar uma roupa confortável.

Eu não tenho a mínima dúvida de que você vai comprar roupa pra cacete lá. Seja nos parques, seja nos outlets, você vai comprar. Sendo assim, não precisa levar muita coisa. Não vou te dizer a quantidade exata, pois isso pode ser bem pessoal, mas tenha bom senso, evite exageros.

Foto: Fernando Andrade

Camisetas confortáveis e frescas podem te livrar de um sufoco com o calor e a umidade da Flórida.

Como eu uso uniforme, por causa do trabalho, minha mala é bem fácil de fazer. Mas, mesmo que você vá como passageiro ou sem excursão, não precisa ser complicada. Coloque algumas camisetas que não sejam muito quentes e sejam confortáveis.

Além da sua calça jeans preferida, não esqueça de bermudas ou shorts que não apertem muito, nem te deixem com assaduras, depois de tanto andar. Eu gosto muito de bermudas e shorts com bolsos laterais com botões, tipo “cargo”. Eles são excelentes para carregar carteira, documentos e outras coisas que você possa precisar.

Foto: Fernando Andrade

Calças e bermudas com bolsos que fechem ajudam a guardar documentos importantes e podem evitar uma grande dor de cabeça.

Outra coisa! Cuidado com os pés! Use um par de tênis que seja bem confortável. De preferência, evite esses sapatos planos, como All-Star. Sou adepto dos tênis de corrida, que costumam ter um amortecimento bom e são projetados para aliviar o estresse das articulações. Eu costumo usar a linha Kayano, da Asics, mas leve o que for mais confortável para você. Não se preocupe se o seu melhor tênis for velho e não estiver mais tão bonito, vale o conforto e, depois, você aproveita para comprar mais uns pares por lá, que pode ser bem mais em conta.

Ainda sobre os pés, lembram que dissemos que chove? Andar com tênis molhado é complicado. Machuca os pés e cria bolha, o que, acredite, vai te fazer aproveitar muito menos a sua viagem. Levem um par de chinelos. Seja a o modelo que for, desde que seja confortável. A exemplo de todo carioca, as Havaianas fazem parte da minha cultura, então têm lugar garantido na minha mala.

Também curto muito Crocs. Muita gente vai falar que elas são feias, concordo. Mas, depois que você colocar os pés em um par, você vai ver que compensa. Na verdade, compensa tanto que eu não tenho mais só as sandálias, eu também tenho uns três pares de sapatos da Crocs.

Foto: Fernando Andrade

Chinelos de borracha são ótimas opções para parques aquáticos, brinquedos que molhem e dias chuvosos.

Ah! Sobre as Havaianas, evitem levar SÓ as Havaianas. Sempre tem passageiro que me fala que está acostumado, que, quando está em casa, usa o dia inteiro e tal. Acredite, você não está acostumado a andar o dia inteiro de Havaianas. Na minha opinião, em Orlando, os chinelos* servem para complementar aquele par de tênis bem confortável.

* Dica da Fabiana Trindade, monitora da ABT, via Facebook: “me surpreendi com os chinelos da Ipanema…levei as duas, Havaianas e Ipanema, e a melhor para andar nessas condições foi a Ipanema…fica a minha dica!!”

Meninas, nós sabemos que vocês são lindas e querem ficar gatinhas durante a noite, durante as festas e tudo mais. Mas lembrem-se que você vão andar pra cacete, que seus pés estarão com bolhas, seus joelhos estarão doendo e seus tornozelos estarão inchados. Pensem se vale a pena um sapato de salto muito alto. Muitas vezes, uma sapatilha já é uma boa.

Foto: Fernando Andrade

Proteção contra o sol forte também é fundamental.

Para fechar, as proteções.

Lembra-se do sol? Então, boné e óculos escuros! Não precisa ser o boné da moda, mas qualquer um que te proteja do sol! No caso dos óculos escuros, no entanto, acho que vale a pena pegar um mais legalzinho. Não é só para ficar bonito, mas tem todo aquele lance de raios UV-A e UV-B.

Lembra-se da chuva? Uma capa de chuva (peça pelos “ponchos”, se você for comprar lá) não faz mal a ninguém. Só lembre-se que as capas são de CHUVA. Sempre falo isso, se você for a uma atração que molhe, como a Splash Mountain ou a Tidal Wave, MOLHE-SE!!!

 

Resumindo, dos pés à cabeça: tênis confortáveis e chinelos; bermudas e shorts; camisetas confortáveis, óculos escuros e boné!

 

“Ah! Nando! E casaco? Levo casaco?” Se eu pensasse só no dia-a-dia lá na Flórida, eu te responderia que não. Entretanto, te aconselho a levar um casaco leve, sim. Mas deixe o casaco separado, na mochila. O mais provável, se você for friorento, é que precise dele no avião.